Menu Papel POP
famosos

Madonna beija Anderson Cooper em prêmio GLBT

Madonna e Cooper são um casal perfeito, não? Pelo menos foram na noite de sábado, nos EUA, na entrega dos GLAAD Awards – o prêmio que homenageia personalidades gay da mídia, como o apresentador e jornalista da CNN.

A rainha do pop entregou a Cooper o prêmio Vito Russo (historiador, autor e ativista LGBT, falecido em 1990) pelo que ele representa como homossexual assumido e pelo trabalho importante que ele realiza nos meios de comunicação.

Durante o discurso, Madonna explicou o motivo de ir vestida de escoteira: “Sempre quis ser um escoteiro, mas nunca me permitiram. Eu sei armar uma barraca”.

É claro que a artista aproveitou para criticar a decisão do Grupo de Escoteiros dos Estados Unidos, que, no ano passaso, reafirmou publicamente a política de banir da comunidade os homossexuais. Logo, se você for gay nos EUA, você não pode ser escoteiro.

Madonna de escoteira no GLAAD com Anderson Cooper.

Coisa linda, coisa f*da! Tem o discurso depois do pulo!

“Sempre quis ser um escoteiro, mas eles nunca me permitiram. Isso é uma m*rda. Eu sei fazer fogueira, armar barraca. Tenho um ótimo senso de direção. Consigo resgatar gatinhos de árvores. Eu quero fazer pela comunidade. Mas, mais importante que isso, eu sei defender garotos. Então eu acho que deveriam me deixar ser um escoteiro e acho que eles deveriam mudar essas regras estúpidas deles.”

Em seguida, entrega o prêmio para Anderson Cooper elogiando a bravura do apresentador e jornalista da CNN ao sair do armário.



por Redação Papelpop em 17/03/2013 14:13

Comentários

Os comentários estão fechados.

Topo