Menu Papel POP
televisão

A TV americana está cheia de novas séries! Confira as 4 mais legais!

1) “The Secret Circle”: clichês de mistério irresistíveis…

A Fall Season da TV americana – este período que corresponde ao outono no hemisfério norte – já começou há alguns dias, e com ela vieram algumas estreias interessantes. O negócio é arrumar tempo para ver todas, mas adoramos ficar ocupados com isso, né?

Uma delas é “The Secret Circle”. Já havia comentado esta série por aqui como uma grande aposta. Pelo que o piloto apresenta, acho que acertei. A série é criação de Kevin Williamson (“Dawson’s Dreek” e “The Vampire Diaries”) e adaptada dos livros da mesma autora de “Diários do Vampiro”

A adolescente Cassie (Britt Robertson de “Life UneXpected”) desconhece as habilidades mágicas hereditárias, o diário da mãe e váááários outros segredos. Ao longo da série descobriremos por que sua mãe morreu e qual é a do super vilão Charles Meade (Gale Harold de “Queer as Folk”). Não é sensacional?

“The Secret Circle” tem algo de original, apesar de alguma semelhança com o filme “As Jovens Bruxas”. Os personagens têm pinceladas leves de clichê (afinal, é assinada do canal CW… cof, cof) e a produção é redondinha e ágil.

2) “Up All Night”: um casal moderno com problemas tradicionais…

EEstreou com forte audiência para os padrões NBC, por vários motivos, principalmente porque foi bem no começo da Fall Season.

O elenco também chama a atenção. Tem Will Arnet, de “Arrested Development”, Christina Applegate, de “Samantha Who”, mais linda do que nunca. A personagem dela é “senhora do lar”, enquanto o marido cuida das tarefas domésticas e da filhinha do casal.

É uma série de diálogos rápidos e muitas referências, algumas não tão populares. Tem um quê de “Running Wilde”, que talvez seja a assinatura de Will Arnet (co-produtor). Natural, afinal o cara se destaca em qualquer projeto que se envolve.

3) “2 Broke Girls”: o choque hilário de dois mundos

A comédia da CBS é assinada por Whitney Cummings, indicada pela revista Variety como uma das 10 comediantes mais promissoras da atualidade.

Whitney também estrela uma nova série com o próprio nome. Mas se você for escolher uma para acompanhar, se segura em “2 Broke Girls” que é mil vezes melhor. Vai por mim.

A série é uma tradicional sitcom, com aquelas risadinhas de fundo e cenários montados em estúdio. Nela, a sarcástica garçonete Max, feita por Kat Dennings, ganha uma nova amiga de trabalho, a ex-rica e super bem formada Caroline, interpretada por Beth Behrs. Percebeu que vai rolar um choque de mundos hilário, certo? Hahaha!

4) “Ringer”: a tosqueira sensacional e hipnotizante…

Deixei o melhor por último: Muito amor é o que senti após assistir um dos pilotos mais bizarros e sensacionais de todos os tempos! Hahaha! Vou descrever “Ringer” como a série cujos episódios poderiam entrar semanalmente como indicação de “Lixo do dia” aqui no Papel Pop. Sacou? Aliás, a gente já falou dela aqui.

Gente, como não amar uma série em que as personagens principais são interpretadas pela Buffy Sarah Michelle Gellar com os nomes mais divônicos possíveis, Bridget Kelly e Siobahn Martin?

Além disso, praticamente todo o roteiro exala Televisa e é gravado em Chroma Key, trazendo referências a Bia Falcão, Luiza Marilac tomando bons drink na europa, “Mulheres de Areias” e, lógico, “A Usurpadora”!

Siobahn já é a minha nova diva maligna! E “Ringer” mora no meu <3! Hahaha!

Quais foram as suas estreias favoritas até agora? Comente aí!

* Caio Fochetto (@caiofochetto) é paulistano, um dos criadores do Box de Séries e aqui no Papelpop ele sempre escreve sobre seriados todos os domingos.



por Caio Fochetto em 25/09/2011 20:19

Comentários

Topo